skip to Main Content

Como tirar fotos de roupas para vender: 6 dicas essenciais

Para que sua loja virtual de moda tenha sucesso, é necessário que você entenda muito bem o processo de como tirar fotos de roupas para vender mais e melhor.

As fotos são o chamariz do cliente. É através delas que você chama atenção para suas peças e concretiza vendas.

Existem várias estratégias para conseguir utilizar a fotografia como uma forma de vender roupas online.

Você pode optar por fotos com modelos ou manequins, para dar uma noção do caimento das roupas, ou escolher por fotos que mostram somente o produto, por exemplo.

E no fim das contas, a melhor estratégia para a sua loja virtual vai depender de diversos fatores, como o seu público alvo e o seu orçamento.

Entretanto, a verdade é que não é preciso muito dinheiro para começar a tirar fotos de roupas para vender online. Em muitos casos, somente um celular pode ser o suficiente.

Por isso, fizemos este texto com todos os segredos e dicas fundamentais para que você bata boas fotos das suas peças e venda mais. Boa leitura!

Aprenda como montar um brechó online e faço dinheiro vendendo suas roupas usadas

Como tirar fotos de roupas para vender em sua loja virtual

Não existe uma maneira certa de tirar as fotos das roupas que você pretende vender em sua loja virtual. Tudo depende, na verdade, do quanto você está disposto a investir e das suas necessidades.

Se você possui uma marca que tem uma presença online forte entre um público mais jovem, por exemplo, fazer as fotos com o celular da roupa em um cabide, colocando um filtro aqui e ali, talvez não seja má ideia.

Já se você quer mostrar os detalhes diferenciais das roupas, fotos de manequins ou de modelos podem ser mais interessantes, já que mostram como é o caimento da roupa em um corpo, o que gera mais identificação.

Sim, parece muita coisa, mas ao longo do texto vamos explicar em mais detalhes cada uma dessas questões.

Primeiro passo: entenda o público para quem você vai vender

Como vimos anteriormente, o tipo de foto que você quer bater das suas roupas vai depender das suas necessidades. E quem dita quais serão as suas necessidades: o seu público alvo!

Se você quer vender roupas para um público mais conservador, por exemplo, fotos mais profissionais, bem editadas e com um certo investimento por trás podem chamar mais atenção.

Já se o seu público alvo é mais jovem e conectado, talvez fotos mais simples, de baixo orçamento, feitas com o celular talvez cumpram o trabalho de fechar vendas.

Entender quem é o seu público, especialmente antes de ter um, pode ser complicado. Portanto, invista seu tempo fazendo uma pesquisa de mercado.

Observe quais lojas virtuais já existem hoje que podem ser concorrentes e como eles divulgam as fotos das suas roupas. Isso pode te dar diversos insights que vão muito além da maneira com que você deve fotografar suas peças.

Preciso de um fotógrafo profissional?

Não necessariamente. Se você não tem experiência com fotografia, mas não se importa de mostrar seus produtos através de fotografias mais simples, talvez um simples celular já seja o suficiente para atingir seus objetivos.

Já se você quer um ar mais profissional, você tem duas opções: contratar um fotógrafo ou se equipar para bater as fotos por conta própria.

Ambas as opções vão requerer algum investimento, mas sua escolha deve ser feita com base nas suas necessidades e na sua disponibilidade de aprender uma nova habilidade.

Planejando as fotos: roupa vestida ou não vestida

Agora que você já tem um público alvo bem definido, você deve definir como serão as fotos do seu produto: as roupas estarão vestidas em um manequim ou modelo ou estarão soltas, penduradas em um cabide ou estendidas em alguma superfície?

Confira a seguir os principais estilos de foto para escolher a que você acha mais apropriada para sua loja virtual:

Manequim

Utilizar o manequim vai te proporcionar autonomia, já que você não vai precisar marcar com um(a) modelo, além de mostrar o caimento da roupa no corpo.

Contudo, os manequins também podem tornar a foto mais impessoal, além de dar mais trabalho, já que é necessário bater as fotos em ambiente fechado e com luz controlada para melhor expor os detalhes.

Cabide

O cabide é uma opção fácil, rápida e prática de fotografar suas peças de roupa. Além disso, esse estilo de foto remete ao profissionalismo visto em lojas físicas.

Contudo, você perde a possibilidade de demonstrar o caimento da roupa no corpo. 

Foto em superfície

Bater fotos em alguma superfície, como um tapete ou colchão é uma forma interessante de criar várias composições de peças e mostrar diferentes combinações.

Contudo, assim como a foto no cabide, fotos em superfície não demonstram o caimento da roupa no corpo.

Modelo

Contratar um(a) modelo para tirar fotos das suas roupas é uma forma de trazer dinamismo e naturalidade às suas fotos.

Além disso, o uso da(o) modelo é uma forma de gerar identificação com o seu público alvo, especialmente se você já o tem muito bem definido.

As desvantagens estão no fato de ser um tipo de fotografia que envolve mais técnica e esforço. Além disso, você vai estar sempre dependente de outras pessoas para fotografar seus produtos.

Dicas para tirar fotos de roupas para vender

Como vimos anteriormente, não é necessário contratar um fotógrafo ou profissional para bater boas fotos. É uma tarefa relativamente fácil que você pode fazer por conta própria desde que saiba algumas o básico para tirar resultados bons dos seus cliques.

Confira a seguir algumas dicas para tirar fotos de roupas para vender:

1- Prepare o ambiente

Antes de tudo, você deve escolher e preparar um local para bater suas fotos. Nessa etapa, considere fatores como:

  • As fotos serão tiradas em ambientes externos ou internos?
  • As fotos serão só do produto ou você quer usar um(a) modelo ou manequim?

Se você escolher um ambiente externo, deve antes considerar que não terá muito controle sobre questões como a oscilação de luz no ambiente e a interferência de outras pessoas.

Apesar de fotos com modelos gerarem mais identificação com o seu público alvo, esse método ainda é mais caro, já que você vai ficar refém da disponibilidade das(os) modelos.

Já se você escolher um ambiente interno e quiser só as roupas ou as roupas no manequim, o ideal é criar um cenário simples, de preferência monocromático, para que você possa direcionar todo o foco ao produto. 

Dessa forma você consegue mostrar mais detalhes, como a costura das peças, por exemplo, ou qualquer que seja seu diferencial.

2- Controle a iluminação

A iluminação é muito importante na hora de tirar fotos de roupas para vender e tudo vai depender de como você quer fazer as fotos.

Em ambientes externos, você vai precisar ficar bem atento às qualidades da luz natural do dia. Dependendo da hora e do lugar, o uso de refletores pode ajudar a dar um visual mais profissional às fotos.

Já quando você está batendo fotos em um ambiente de luz controlada, o ideal é que a fonte de iluminação esteja posicionada em um ângulo de 45º em relação ao produto.

Outra solução bem criativa é montar um mini-estúdio fotográfico, que você pode fazer com materiais simples: caixas de papelão, folhas de EVA, cola e TNT.

3- Equipamentos necessários para tirar fotos de roupas

Para a maior parte das pessoas, um celular com uma câmera com uma resolução a partir de 13MP já é o suficiente para começar a bater suas fotos.

Entretanto, caso você queira comprar uma máquina fotográfica, o mais indicado é utilizar uma câmera DSLR, que tem um sistema interno de espelhos.

Se mesmo comprando uma câmera você sentir a necessidade de fazer algo ainda mais profissional, pode ser necessário comprar alguns outros equipamentos, como tripés e softboxes (um tipo de refletor que proporciona luz suave).

4- Edição das fotos

Uma vez que você tem as fotos, você pode optar por editá-las ou não. Tudo vai depender da sua necessidade (sim, necessidade) e do efeito que você quer atingir.

Às vezes, pode acontecer de o resultado não ficar bom. Só quando você viu as fotos no computador é que percebeu que, por conta de uma iluminação errada, a cor da peça não ficou muito fidedigna ao original.

Esses tipos de acidente acontecem e, especialmente se você não tiver como bater as fotos novamente, pode ser necessário fazer algumas alterações sutis no balanço de cores da foto para que o produto apareça fidedigno ao original.

O mesmo vale para fotos mais simples, tiradas pelo celular. Fotos de celular, quando tiradas em um ambiente bem iluminado, costumam ser bem fidedignas.

Por isso, adicionar filtros nas fotos sem que haja necessidade pode ser arriscado e gerar insatisfação entre os clientes. Adicionar muitos filtros pode fazer com que a cor da peça fique muito diferente da original e isso certamente vai ser motivo para dor de cabeça..

5- Como tirar fotos de roupas para vender com o celular

Tirar fotos com o celular é diferente de tirar fotos com uma câmera. Apesar dos celulares modernos terem muitas opções de ajuste, ele não se compara à versatilidade de uma câmera.

Contudo, é possível bater fotos excelentes com o celular. Basta que você se atente a alguns detalhes, como:

  • Certifique-se de que a lente está limpa. Muitas vezes alguma sujeira na lente pode fazer com que as fotos saiam borradas ou com distorções de cor;
  • Cuidado com a contraluz: isso pode deixar o produto escurecido;
  • Evite usar o zoom, pois a maioria dos celulares simplesmente recorta a imagem, o que faz com que ela perca definição;
  • Explore todas as funcionalidades da câmera que você está usando. A maioria dos celulares hoje permitem que você faça ajustes na exposição, por exemplo.

6- Fotografando modelos profissionais ou amadoras

Se você decidir trabalhar com modelos para expor as roupas que quer vender, existem duas opções: trabalhar com modelos profissionais ou amadoras.

Modelos profissionais normalmente são mais fáceis de trabalhar, já que já possuem a confiança necessária para serem desinibidos em frente a câmera e traduzir isso em imagens sólidas.

Por outro lado, pode ser que você não tenha o dinheiro necessário para pagar um modelo profissional para suas fotos.

Nesse caso, existem algumas dicas que você pode aplicar para que um modelo com pouca experiência faça fotos boas, espontâneas e que vão te gerar vendas. Confira:

  • Transmita segurança para a(o) modelo. Se preciso, converse com ela(e) e tente quebrar o gelo. Conforme ela(e) for se soltando, você garante fotos mais espontâneas;
  • Se for necessário, treine com a(o) modelo algumas poses e divida o resultado. Isso vai ajudar a(o) modelo a ter mais confiança;
  • Não tenha medo de se afastar e de se aproximar da(o) modelo. A pessoa e a roupa que está vestindo são o motivo da foto, então experimente.

Dica extra: sempre que for fotografar pessoas no exterior, fique bastante atento ao ambiente e ao que aparece no fundo do quadro. Às vezes algum detalhe que chame mais atenção do que o produto pode passar despercebido.

Melhores apps e softwares pago e gratuitos para tirar fotos de roupas

Como vimos durante o texto, muitas vezes pode ser necessário fazer um ou outro ajuste de pós-produção nas fotos para que elas sejam realistas e retratem a peça de roupa que você quer vender com fidelidade.

Existem diversos aplicativos e softwares pagos e gratuitos que podem te ajudar nesse processo. Confira:

Adobe Photoshop

O famoso Photoshop, da Adobe, com certeza é a melhor opção para se editar fotos no computador. Através dele, é possível fazer uma infinidade de edições, especialmente se as fotos tiradas com a câmera forem feitas no formato .RAW.

Contudo, trata-se de um software pago e é necessário algum conhecimento para utilizar a ferramenta de maneira efetiva. 

Adobe Photoshop Express

Se por um lado o Photoshop é pago para computadores, a Adobe nos presenteou com uma versão grátis para smartphones.

O Adobe Photoshop Express fornece diversas ferramentas que estão disponíveis na versão para computador só que de maneira mais prática, fácil e rápida.

O lado ruim é que muitos dos filtros disponíveis são bloqueados somente para assinantes.

Pixlr

Assim como Adobe Photoshop Express, o Pixlr é uma ótima ferramenta de edição de fotos no celular. É especialmente útil para pessoas que não tem experiência com edição de imagens e querem um sistema intuitivo e fácil de usar.

Gimp

O Gimp é a opção grátis para computadores mais profissional que você pode encontrar. Ele não fica muito atrás do photoshop no quesito ferramentas e é uma ótima opção para aqueles que tem um orçamento menor.

Conclusão

Hoje aprendemos como tirar fotos de roupas para vender em sua loja virtual. Como vimos, você não necessariamente precisa contratar um profissional para fazer as fotos. 

Por isso, recapitulando, você deve preparar bem o ambiente, tomar cuidado com a iluminação e, se necessário, adquirir equipamentos e investir na pós-produção.

Mas lembre-se: antes de tudo isso você deve pensar em qual tipo de fotografia vai ser mais atrativo para o seu público alvo. Pode ser que modelos e manequins se traduzam em mais vendas, ou pode ser que fotos mais simples façam a mesma coisa.

Tudo vai depender da marca que você está construindo, o público que quer atingir e aonde quer chegar com seu empreendimento.

Aplicando as técnicas expostas neste texto, você com certeza vai vender mais. E vendendo mais, você vai precisar de um bom método de envio que garanta a felicidade dos seus clientes. Conheça mais sobre a Kangu e nosso sistema de entregas inteligentes!

Faça entregas mais inteligentes, baratas e seguras com a Kangu

This Post Has 0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top